Estado Islâmico usa crianças para substituir suas baixas

A organização terrorista Estado Islâmico começou a armar centenas de crianças para compensar as suas baixas no Iraque.

Uma fonte local que preferiu ficar anônimo disse à Sputnik no sábado (21) que o Estado Islâmico armou algumas centenas de crianças e adolescentes de famílias pobres de cidade de Faluja e Ramadi em província de Anbar, no oeste do Iraque.

cc
A fonte acrescentou que eram dadas às crianças roupas pretas afegãs e armas de fins diferentes para repelir os ataques do exército iraquiano, que avança em duas cidades.

 

A fonte disse que o Estado Islâmico tenta persuadir as famílias a entregar os seus filhos para se tornarem militantes do grupo terrorista por um montante bastante grande de 1,4 mil dólares por mês por cada filho.

“É um montante muito grande e significativo para estas famílias porque os habitantes destas duas cidades sofrem gravemente de fome desde que foram conquistados pelo Estado Islâmico”, afirma a fonte.

Ao mesmo tempo, em caso de recusa os pais são executados. 

É bem conhecido que o Estado Islâmico recruta crianças como militantes. O grupo terrorista divulgou vídeos que mostraram crianças realizando execuções. Os terroristas usam vários pretextos e chantagem para forçar as crianças a aprender usar armas e a combater ao lado dos militantes.

 

Leia mais: http://br.sputniknews.com/mundo/20151123/2843391/Estado-Islamico-criancas-recrutamento-baixas.html#ixzz3sMxuilwN

Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta