Militar que viu óvni diz que ETs controlam arsenal dos EUA

Governo
dos EUA manteria um “Arquivo X” que comprovaria a presença de ETS na Terra e o
controle dos arsenais nucleares, segundo defende o militar Robert Salas
[Eles podem ser um meteoro que cruza o céu,
um fenômeno meteorológico, um avião, um animal desconhecido e até um embuste.
Mas, para muitas pessoas, eles são algo a mais. Este da imagem foi registrado
na China e chegou a parar um aeroporto. Veja a seguir, outras imagens de
objetos voadores não identificados, os óvnis, e de ]

   
    [Oficiais chineses disseram que sabiam do
objeto, mas não poderiam falar sobre ele publicamente porque há uma ]
    [Vários moradores registraram a passagem do
ovni. Foto: Reprodução]
    [Um chinês que fingiu ter um alienígena no
congelador de casa acabou por ser preso.. Foto: The Sun / Reprodução]
    [Pode não parecer, mas esta é uma das
imagens mais famosas de Marte e virou notícia em diversos sites, TVs e jornais
internacionais. Contudo, é apenas um pequeno detalhe que precisa de muito zoom
para ver…. Foto: Nasa / Divulgação]
    […O mosaico reúne diversas fotos feitas
pela sonda Spirit em uma paisagem marciana. Contudo, onde muitos viam apenas rochas,
mas algum desconhecido notou um detalhe minúsculo na gigantesca imagem….
Foto: Nasa / Divulgação]
    […Para muitas pessoas, o ser era um ET,
uma figura humanoide e, segundo relatou a Sky News na época, para um internauta
parecia até um]
    [Uma das imagens mais famosas do planeta é
o ]
Reformado
pela Força Aérea dos EUA, o capitão participa, neste final de semana, do I
Fórum Mundial de Contatados, realizado em Florianópolis. Ele cita um polêmico
caso ocorrido ainda na década de 60 e transformado em inúmeros livros e
documentários. E mantém a tese de que os EUA e o Reino Unido não só mantêm
arquivos secretos, como alega que arsenais nucleares seriam “vigiados e até
meso desarmados”por grupos de 
alienígenas.
Robert
Salas é militar reformado pela Força Aérea dos EUA Foto: Fabricio Escandiuzzi /
Especial para Terra Robert Salas é militar reformado pela Força Aérea dos EUA
Foto: Fabricio Escandiuzzi / Especial para Terra
O
caso teria ocorrido em 16 de março de 1967 na base de Malmstrom, em Montana,
mas ganhou grande repercussão em 2010. O oficial garante que oficiais teriam
visto grandes luzes, identificados óvnis e que, logo após, cerca de dez misseís
estariam desarmados e com parte das ogivas danificadas. “Eu estava de serviço
juntamente como o comandante Fred Wymald e fomos informados de intensas
atividades. Um dos guardas disse ter visto luzes estranhas ao redor do local da
instalação das ogivas”, disse. “Não eram aviões, já que não estavam fazendo
nenhum barulho e não eram helicópteros. O guarda disse que os objetos estavam
fazendo algumas manobras muito estranhas e ele não podia explicar”.
Meia
hora depois, segundo Salas, outro relato: 
“O mesmo guarda, muito abalado, diz que havia um objeto vermelho
brilhante pairando diante do portão da frente e que os militares já estariam de
armas em punho”.

ETs na Terra trabalhando com os EUA, diz ex-ministro canadense
Após
o fenômeno, Salas recorda que muitos dos mísseis armazenados no arsenal
começaram a apresentar problemas. “Quando cheguei ao local, percebemos que os
mísseis estavam tortos, completamente tortos”, disse. “Uma investigação foi
feita sobre o assunto, mas nada se aproximou da causa do fenônemo”.
Eles
estiveram e sempre estarão por aqui, diz Robert Salas   Foto: Fabricio Escandiuzzi / Especial para
Terra Eles estiveram e sempre estarão por aqui, diz Robert Salas
 
Em
meio as palestras, Robert Salas concedia autógrafos em livros e esbajava
simpatia ao falar sobre os fenômenos ufológicos. Ele conta que relatou o
ocorrido aos superiores, mas que o caso nunca foi adiente. “Tivemos que assinar
um acordo de não divulgação dizendo que esta informação era confidencial”,
conta. “Não estávamos a liberar isso para ninguém, nem mesmo para nossa
família”.
Personagem
carimbado em séries e documentários de TV sobre óvnis, Salas se transformou em
uma das grandes atrações do evento brasileiro. Mas, mesmo passado tantos anos,
ainda se recusa a falar se a presença dos ETs teria como principal objetivo
fazer com que a humanidade abandone as armas nucleares. Com um sorriso no
rosto, o ex-oficial se limita a afirmar. “Eles estiveram e sempre estarão por
aqui”

Militares
norte-americanos testemunham sobre desativação de armas nucleares por UFOS:
Depoimento
de ex-funcionários ou aposentados militares dos EUA sobre as seres Cósmicos
“Anjos dos Céus” que estão de olho em locais na terra com armas
nucleares, e como estes anjos várias vezes impedem de uma guerra nuclear,
desativando mísseis nucleares. Além disso, os “anjos celestiais”
monitoram todos os cerca de 500 reatores nucleares para a produção de energia
elétrica na Terra e garantem que eles não ficam fora de controle. Sem esta
ajuda, arsenais nucleares teriam explodido há muito tempo e poluído toda a
Terra com radioatividade.
Fontes: http://noticias.terra.com.br/ciencia/espaco/militar-que-viu-ovni-diz-que-ets-controlam-arsenal-dos-eua,ad5a3cba8ed4f310VgnVCM5000009ccceb0aRCRD.html
http://celiosiqueira.blogspot.com.br/2013/06/militar-que-viu-ovni-diz-que-ets.html

 

Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta