Propaganda da Coreia do Norte imagina um “ATAQUE NUCLEAR” contra os EUA

Nota
da redação: o vídeo de propaganda da Coreia do Norte foi retirado do YouTube
após reivindicação de direitos autorais da Activision Games Inc, empresa
responsável pelo game Call of Duty: Modern Warfare 3. A propaganda ainda está
disponível no site da agência coreana.
A
Coreia do Norte postou um filme no You Tube neste fim de semana imaginando um
ataque a uma cidade dos Estados Unidos. A peça de propaganda, publicada pela
agência estatal Uriminzokkiri, liga o lançamento de um foguete norte-coreano a
imagens de uma cidade americana em chamas.

O
vídeo começa com um jovem dormindo ao lado de uma câmera, com a música We are
the world, clássico pop de Michael Jackson e Lionel Richie, tocando ao fundo.
Durante o sonho do jovem, o vídeo mostra imagens do lançamento de um foguete
norte-coreano. As imagens são de dezembro do ano passado, quando o governo
norte-coreano provocou críticas da comunidade internacional ao conseguir lançar
um foguete com sucesso pela primeira vez.

Assista o vídeo abaixo:

As
imagens rapidamente se transformam em uma animação do que parece ser um ônibus
espacial, em órbita no planeta. O ônibus espacial presencia a unificação das
duas Coreias, e depois parte para o outro lado do mundo, quando mostra um
bombardeio em uma cidade com grandes edifícios – possivelmente uma cena do game
Call of Duty: Modern Warfare 3. Durante o bombardeio, aparece a bandeira
americana ao fundo.

O
jornal britânico The Guardian traduziu algumas legendas do filme.
“Em
algum lugar dos Estados Unidos, nuvens negras de fumaça sobem”, diz a legenda,
em coreano. “Parece que o ninho da maldade está em chamas”.
O
programa espacial norte-coreano enfrenta fortes críticas da comunidade
internacional, especialmente dos vizinhos Japão e Coreia do Sul. Em abril de
2012, uma tentativa de lançar um foguete fracassou, resultando em um prejuízo
de US$ 1,3 bilhão, uma cifra alta para um pais que enfrenta dificuldades para
alimentar sua própria população. Em dezembro, uma nova tentativa fez o governo
do Japão mobilizar tropas e o sistema anti-mísseis para evitar que o foguete
caísse em território japonês, o que não ocorreu.
No
começo de 2013, após o Conselho de Segurança da ONU impor novas sanções contra
o país, a Coreia do Norte disse que irá realizar um terceiro teste nuclear. O
anúncio desagradou até mesmo o único aliado norte-coreano, a China, que disse
que irá reduzir o auxílio econômico caso Pyongyang insista nas pretensões
nucleares.
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta