Eugenia: Vacina faz 800 jovens desenvolverem doença incurável na Europa

Cerca
de 800 jovens na Europa desenvolveram narcolepsia, doença que causa grande
sonolência, depois de terem tomado, em 2009, a vacina Pandemrix, da
farmacêutica britânica GlaxoSmithKline (GSK), contra a gripe suína. Países como
Suécia, Finlândia, Noruega, Irlanda, França e Grã-Bretanha foram observados
como locais em que houve aumentos expressivos dos casos da doença. A agência de
vigilância europeia decidiu que a Pandemrix não poderá mais ser aplicada em
pessoas com menos de 20 anos.
Segundo
o chefe de vacinas da GSK, a farmacêutica ”está comprometida a investigar as
causas”, mas ressalta que não há como comprovar uma relação de causalidade
entre a vacina e os casos de narcolepsia.

LEIA
TAMBÉM:
No
entanto, Emmanuel Mignot, especialista em narcolepsia que está sendo pago pela
GSK para investigar o caso, afirma que, apesar de haver grande necessidade de
mais pesquisas, as evidências mostram que há relação entre a vacina e o
surgimento dos surtos da doença. ”Não tenho dúvidas de que a Pandemrix
aumentou a ocorrência de narcolepsia em crianças”, afirma Mignot, da
Universidade de Stanford.

Pelo
menos 30 milhões de pessoas em 47 países tomaram a vacina Pandemrix durante a
pandemia mundial de gripe suína de 2009-2010. Os primeiros casos de narcolepsia
em pessoas que receberam o imunizante começaram a ser observados em agosto de
2010.

A
sueca Emelie Olsson, hoje com 14 anos, é uma dessas pessoas. A menina tem
sofrido com pesadelos e alucinações, além de ter grande dificuldade de ficar
acordada, chegando até a perder aulas e atividades sociais.
Os
cientistas ainda não sabem qual a relação entre a vacina e os surtos e nem se
algumas pessoas possuem suscetibilidade genética que facilite o desenvolvimento
da doença. Apesar de ser grande o número de casos no mundo, o Ministério da
Saúde afirma que o Brasil não utilizou o imunizante.
Se você ainda tiver duvidas sobres os males que as vacinas causam em crianças, jovens e adultos assistam os vídeos abaixo do Radialista americano Alex Jones:
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta