Estranho: 100 MIL golfinhos migrando JUNTOS? O quê será?

Um
grupo de mais de 100 mil golfinhos foi visto na costa de San Diego, Califórnia
– EUA, fazendo um espetáculo no mínimo curioso para observadores da natureza.
Estas belas criaturas costumam reunirem-se formando grupos de no máximo 200
animais, durante movimentos migratórios ou em busca de alimento, no entanto
este grupo em deslocamento, realmente assusta pela quantidade, podendo indicar
algum perigo na região, já que esta espécie é conhecida por sua percepção
apurada e sensível. Golfinhos pressentem o perigo e qualquer mudança
significativa em seu ambiente. Migrações em escala menor já foram observadas,
nos anos de 2012 e 2011, entretanto nunca em tal número.

Quando atividades
anormais acontecem, entre espécies de mamíferos aquáticos, como baleias, orcas e
golfinhos, já observados anteriormente, logo depois, aconteceram eventos
sísmicos no leito do oceano ou outros fenômenos ligados a catástrofes naturais.
As catástrofes artificiais, causadas pelo homem como vazamentos de petróleo ou
gás em plataformas petrolíferas instaladas em alto mar, e as perfurações no
leito do oceano, também já foram captados pelos golfinhos, e os fizeram reagir
de forma semelhante. 

O que estariam percebendo estes belos e sensíveis
moradores dos oceanos, deslocando-se de maneira desesperada, num grupo tão
grande, que deixou até mesmo biólogos marinhos estarrecidos? Para uma espécie
considerada inteligente e que interage com a natureza e suas forças, que tipo
de evento está para acontecer, ou esta acontecendo, que está sendo decodificado
por seus sensores extremamente sensíveis?

Os
sinais estão sendo enviados pela natureza e precisamos o mais breve possível
decodificá-los e traduzi-los, para termos a chave do conhecimento para nos
prevenirmos de eventos futuros.
Golfinhos
são animais que costumam formar grupos relativamente grandes, mas isto entre 15
a 200 membros no máximo. Neste caso em particular, segundo testemunha, “eles
vinham de todas as direções. Você podia ver os golfinhos até onde sua visão
podia alcançar”. De acordo com a NBC, o imenso grupo de golfinhos ocupava uma
área do Pacífico com extensão de mais de 11 quilômetros. Biólogos ainda não têm
uma explicação precisa para o fenômeno. As suspeitas apontam para um movimento
migratório em massa.
Assista
ao vídeo AQUI
Fonte:
NBC
Fonte
do vídeo/crédito: Youtube / ExclusiveTechNews
Colaboração:
Mari M. (via e-mail).
Apoio:
Greg (Biologia Marítima – San Francisco, Califórnia – EUA). 
Tradução,
adaptação e edição: Gério Ganimedes.
Comentários
do Autor
 
Penso
que, para uma quantidade tão grande de animais desta espécie, considerada
extremamente dócil, sensível e inteligente, existem duas hipóteses para tal
movimento:
Primeira
Estariam sendo atraídos por abundantes cardumes de peixes. Poderiam estar
famintos, já que algumas regiões dos oceanos estão apresentando escassez de
alimento (sardinhas, tainhas e pescada);
Segunda
Estão captando algum tipo de sinal proveniente da costa, do leito do oceano
ou até quem sabe, muito mais além. Neste caso, poderiam estar assustados,
fugindo da fonte emissora do perigo;
No
entanto é cedo demais, para afirmar com clareza, o que causou ou está causando
este evento, no mínimo intrigante. Então, antes de ir mais além, prefiro
aguardar os acontecimentos na região da costa da Califórnia. Penso que estes
animais costumam perceber abalos sísmicos quase imperceptíveis, que nem mesmo
sismógrafos detectam, o que pode indicar, neste caso, o movimento de placas
tectônicas e como conseqüência fortes terremotos pela frente. Torçamos para que
seja apenas um apurado paladar e um apetite voraz, e que no máximo, tenhamos
mais de 100 mil golfinhos de barrigas bem cheias e felizes.
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta