Comunidade gay e ativistas feministas comemoram a renúncia de Bento XVI

A comunidade gay e ativistas feministas no mundo todo comemoram a a saída do Papa Bento XVI da liderança da Igreja
Católica.
Ambas as entidades  veem o Papa Bento XVI como um entrave para
expansão do homossexualismo, e para aprovação de leis que facilitam a cultura
da morte: o aborto.
O papa Bento XVI é um ativista
pró-família e prega nos seus sermões os valores do casamento constituído entre
homem e mulher, a importância da instituição família, e prega severamente a
abominação do homossexualismo e a prática do aborto, causa nobre  e justa. 

Entretanto, este posicionamento do papa  está deixando os gayzistas e   feministas 
pró-aborto  enfurecidos , e a
renuncia, deixa uma ponta de “esperança” para as petições das agendas gay e
feministas, sejam atendidas sem  qualquer
entrave diplomático e principalmente religioso, e  a saída dele agradou  ambas as entidades como também a liderança de alguns países, que presionados  pelos movimentos gayziatas não encontram outra alternativa a não ser, aderir as agendas  gay e pró-aborto do grupo das feministas radicais.

A saída de Bento XVI servirá de apoio
para movimentos muito bem articulados e  intencionados, para  promoverem a
pornografia como também propagá-la, utilizando todos os meios possíveis, como a literatura, para concretizar suas metas, o mais
terrível de tudo isto e a provável legalização da pedofilia, que em breve
seguirá o mesmo destino de países que adotaram o casamento gay como o mais novo modismo diabólico de relacionamento, vão certamente,
reconhecer essa prática “pedofilia”, sem que tenha alguém, ou  alguma autoridade religiosa de grande influencia global, no caso do Papa,  para contrariar essas decisões.

Esse blog é a favor da vida e da
instituição família, o vaticano como na representação da sua liderança tem
todas as falhas e defeitos, como também, as lideranças protestantes, mas apoiamos
qualquer um que seja a favor dos bons costumes cristãos, éticos e morais.

Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta