A história por trás da jovem que leiloou a virgindade

Muitos
devem ter acompanhado na mídia o caso da jovem brasileira Catarina Miglior, que
recentemente fez um leilão de sua virgindade na internet.O leilão foi vencido
por um japonês que deu um lance de 1,5 milhão de reais,mas isso é o menos
importante nessa história toda.
Esse
caso ganhou destaque na mídia internacional e a garota já deve ter faturado
mais com propaganda do que com o próprio leilão, mas esse também não é o foco
principal dessa matéria.

Carolina
ao ser perguntada se ela se sentia como uma prostituta ? Disse que não,pois ela
vai vender seu corpo uma vez só e acredita em amor, então seguindo o mesmo
raciocínio dessa garota quem mata uma vez só não pode ser considerado assassino
.Não vamos entra no mérito moral dessa resposta , mas que é no minimo pouco
inteligente isso é.
Agora
você deve estar se perguntando onde e quando essa garota teve essa ideia. Bem
nesse ponto que as coisas começam a fazer sentido , não foi a carolina que teve
a ideia e sim um produtor Australiano chamado Justin Sisely produtor de um
documentário chamado Á procura de virgens (http://virginswanted.com).
O
site também leiloou virgindade do jovem Russo Alexander Atepanov por 6 mil
dólares , mas o detalhe do caso de Alexander é que o vencedor do leilão foi um
homem.Alexander disse não ser homossexual , mas que pelas regras do contrato
ele teria que cumprir o combinado.
O
documentário acompanhará os dois jovens em suas viagens em encontro aos
vencedores e também efetuara uma entrevista antes e depois do ato sexual.A
identidade dos vencedores sera mantida em sigilo.
O
site oficial do programa traz trailers das vidas dos participantes , e
depoimentos de pessoas próximas com o objetivo de despertar interesse em
futuros participantes do leilão.Catarina e Alexander ganharam 40 mil  dólares só para se inscreverem no projeto.

Esses
dois jovens pelo jeito são os primeiros do mais novo esquema de prostituição
internacional ou seria leilão da dignidade humana?

Entrevista
exclusiva para a Band
Direto
da Indonésia, Carolina Migliorini conversou com o programa “Muito+” e
disse que tudo não passa de negócios para ela. Via Skype. Confira:
Fontes: http://nosdiasdenoe.blogspot.com.br/ e http://vivabem.band.uol.com.br
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta