China deseja colocar asteroide em orbita da terra

O
Departamento de Engenharia Aeroespacial da Universidade Tsinghua, na China,
publicou recentemente um relatório detalhando a viabilidade de capturar um
asteroide e colocá-lo em orbita da Terra.
O
objetivo do projeto seria usar o asteroide como fonte de matéria-prima,
minerando seus recursos e enviando-os para a Terra. Estima-se que um asteroide
de 1,6Km tenha recursos minerais na casa de US$ 55 trilhões.

Considerados
sobras da formação do sistema solar, os asteroides são objetos rochosos e
metálicos cuja maioria orbita a região entre Marte e Júpiter chamada
“Cinturão de Asteroides”.
O
relatório, no entanto, prevê capturar apenas aqueles que passarem perto da
órbita da Terra nos próximos anos e décadas.
Os
“Near Earth Object” como são conhecidos, teriam sua velocidade alterada com o
uso de velas solares, explosões nucleares ou propulsores iônicos até serem
capturado naturalmente pela gravidade terrestre.
Uma
vez estacionados em orbita, o asteroide se tornaria num pequeno satélite, a uma
distancia duas vezes maior que a da Lua. Seus recursos seriam explorados
durante anos, até que o acumulo de uma pequena diferença angular joga-se o
asteroide para longe da Terra.
A
técnica para capturar e minerar asteroides, no entanto, ainda esbarra em vários
problemas. Um erro de cálculo durante o processo de captura poderia colocar o
objeto em rota de colisão com a Terra, causando efeitos catastróficos no
planeta.
Além
disso, a tecnologia para montar uma operação de mineração ainda não existe e
seria necessário centenas de bilhões de dólares para ser dominada.
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta