Al Qaeda pede para Ahmadinejad parar de levantar teorias conspiratórias sobre 11/9

Uma
semana depois de o presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, voltar a levantar
suspeitas sobre os ataques terroristas de 11/9, a rede Al Qaeda, que assumiu a
autoria dos atentados, mandou um recado ao líder do Irã: ele deve encerrar suas
teorias de conspiração sobre o 11/9.  As informações são do “The New York
Times”.

A
mensagem foi enviada em um artigo publicado na revista online Inspire,
publicação em língua inglesa que a Al Qaeda possui e distribui para seguidores,
de acordo com o jornal norte-americano, que não especificou a data exata da
publicação. No texto, a rede terrorista criticou Ahmadinejad por questionar o
11/9 e responsabilizar o governo americano pelos atentados.
“O
governo iraniano afirmou, por meio de seu presidente Ahmadinejad, que não
acredita que a Al Qaeda foi a autora dos atentados de 11/9, e sim os Estados
Unidos”, diz o artigo, cuja autoria foi atribuída a Abu Suhail. “Então, nós
perguntamos: por que o Irã sustenta essa crença ridícula que não se sustenta
pela lógica nem pelas evidências?”
.
O
artigo exige que Ahmadinejad pare seus esforços para provar que uma conspiração
está por trás dos ataques. O artigo teria sido publicado no número 17 da
revista, edição comemorativa dos 10 anos dos ataques. 
Por
diversas ocasiões o presidente iraniano questionou os ataques de 11/0,
sugerindo que tudo teria sido inventado pelos Estados Unidos. Na semana passa,
quando esteve em Nova York para participar da Assembleia Geral da ONU, ele
voltou a questionar os atentados em uma entrevista à Associated Press. Segundo
ele, dois aviões não poderiam ter derrubado as Torres Gêmeas.

Fonte:  http://noticias.uol.com.br/

Comentários
Reveleção Final
A
Al Qaeda pediu para Ahmadinejad parar de sustentar a teoria conspiratória sobre
o 11 de setembro, é um tanto cômico, visto que a Al Qaeda é PATROCINADA E
APOIADA PELO EUA E A CIA
, portanto nada mais do que justo, utilizar esta “rede”
terrorista para silenciar  a tese Ahmadinejad
que afirmou nestes dois últimos anos na Assembléia Geral da ONU, que 11 de setembro
foi um trabalho interno do governo americano. aA regras da   desinformação  a todo vapor, é uma estratégia para
ridicularizar e colocar em xeque as indagações do ditador iraniano.
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta