STF rasgou a Constituição ao permitir união entre gays, diz pastor

O pastor da Assembleia de Deus Silas Malafaia afirmou nesta quinta-feira, durante a 19ª edição da Marcha para Jesus, em São Paulo, que o STF (Supremo Tribunal Federal) rasgou a Constituição ao permitir a união entre homossexuais e liberar a Marcha da Maconha.
“Se governador, prefeito e presidente for contra a família, não vai ter o nosso voto. Se amanhã alguém quiser fazer a marcha a favor da pedofilia, vai pode fazer”, disse Malafaia. “Não estamos querendo fundar o Estado evangélico”, reiterou.

Malafaia apoiou o tucano José Serra na campanha presidencial do ano passado.
Milhares de fiéis participam desde as 10h de hoje do evento religioso no centro de São Paulo. A Polícia Militar e a organização do evento ainda não têm uma estimativa do número de participantes. Entre os presentes também estão o casal fundador da Igreja Renascer em Cristo, Estevam e Sônia Hernandes, e o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ).
“Meu Deus é o dono do ouro e da prata. Enquanto meu Deus age, ninguém pode impedir”, disse a bispa Sônia.
O evento partiu da praça da Luz (centro) às 10h e percorreu quatro quilômetros até a praça Heróis da FEB (zona norte).
A partir das 14h, começam os atos religiosos e os shows de música gospel. A previsão é que o evento termine por volta das 21h.
No ano passado, segundo a Polícia Militar, a Marcha reuniu 2 milhões de pessoas. Os organizadores esperavam 5 milhões. Neste ano, eles preferiram não divulgar uma estimativa.
De acordo com a Renascer, 800 caravanas com 35 mil pessoas de outras cidades virão para o ato.
Haverá representantes de outras igrejas como Assembleia de Deus, Bola de Neve, Batista Betel e Sara Nossa Terra.
Segundo a CET (Companhia de Engenheira de Tráfego), a avenida Tiradentes, entre a avenida do Estado e túnel Tom Jobim, está interditada desde as 6h na pista local e desde as 9h na expressa.
A praça Campos de Bagatelle está interditada desde as 6h e ficará até as 23h. Já a avenida Olavo Fontoura está bloqueada desde as 9h30 e ficará até as 15h.
A praça Heróis da FEB e a avenida Santos Dumont, ambos os sentidos, foram bloqueadas no trecho correspondente entre a avenida Brás Leme e a rua Santa Eulália às 22h de ontem e permanecerão até as 23h desta quinta-feira.
Please follow and like us:

Você pode gostar também

Deixe uma resposta